segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Calendário Pet traz cães praticando ioga e causa polêmica

Empresa faz brincadeira com cães e provoca a ira dos grupos de direitos de animais, mas o segredo está em software que manipula a imagem

A maior empresa de calendários dos Estados Unidos, Brown Trout Company, está fazendo um sucesso inesperado com sua linha 2010. Juntando os amantes de cães aos adeptos da ioga, a empresa lançou um calendário intitulado "Cães da Ioga", em que animais de quatro patas aparecem nas posições mais difíceis e absurdas.

No calendário, um golden retriever aparece na posição do guerreiro, enquanto um chihuahua "descansa" na posição de lótus elevada. Todas as imagens foram feitas a partir de fotos dos cães de verdade depois manipuladas em computador para que eles aparecessem nas posições de ioga.


Segundo Dan Borris, que ao lado da mulher Alejandra conduz o negócio de calendários, a ideia surgiu há alguns anos, quando uma amiga contou que seu cão adorava ficar ao seu lado durante sua sessão de ioga. Alejandra, que também é ex-professora de ioga, foi quem manteve os cães numa posição mais semelhante possível ao exercício, antes que os artistas do Photoshop entrassem em ação para arrancar rugas, pelos a mais e pelancas – no mesmo estilo dos profissionais que trabalham em revistas de moda e celebridade.

 O lançamento do calendário, porém, deixou os grupos de direitos dos animais com os pelos eriçados, mas o casal correu para explicar que nenhum bicho havia sido ferido durante as fotos.

"Algumas posições, por exemplo, eram fáceis de fazer. Mas outras são impossíveis para a anatomia dos cães, como é o caso do chihuahua. Aquilo não é real", garantiu Dan Borris ao jornal inglês "The Daily Mail".

O calendário custa US$ 13,99 nos Estados Unidos, mas também está à venda na Austrália, Nova Zelândia e Canadá.

Veja mais foto do calendário YOGA DOGS

Fonte: EPOCA 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para comentar