domingo, 13 de dezembro de 2009

'CHEIRO DE PODRE' Gambá invasor 'expulsa' casal de residência


Casal deixou sua casa na última segunda-feira por causa do cheiro.
No momento, eles estão vivendo no porão da casa da irmã de Allen.
Foto: Reprodução/News-Post

Gambá obrigou casal Allen e Leslie Scott a deixar sua casa nos EUA. (Foto: Reprodução/News-Post)

O casal americano Allen e Leslie Scott foi obrigado a deixar a casa na qual mora em Frederick, no estado de Maryland (EUA), depois que um gambá invadiu a residência, segundo reportagem do jornal "Frederick News-Post".


De acordo com a reportagem, o casal está desabrigado desde a última segunda-feira por causa do cheiro terrível deixado pelo animal. Allen contou que o cheiro está por toda a parte, mesmo nos alimentos que estavam na geladeira.


O casal destacou ainda que o cheiro parece de carne podre. No momento, eles estão vivendo no porão da casa da irmã de Allen. "Eu sinto que nós perdemos tudo", disse Leslie Scott ao jornal "Frederick News-Post".

Do G1, em São Paulo

Curiosidades sobre Gambá:

O gambá é o ator principal de muitos fatos e ditos populares da cultura brasileira. Um dos aspectos mais marcantes é o líquido fétido produzido pelas glândulas axilares, utilizado pelo animal como defesa. Na fase do cio, a fêmea costuma exalar este odor para atrair osmachos.

Outra estratégia para escapar dos perigos é o comportamento de fingir-se de morto até que o atacante desista. O gambá tem especial predileção por sangue, por isso é conhecido como sanguinário.

A espécie D. marsupialis foi o primeiro marsupial a ser conhecido pelos europeus. Segundo a História da América, Vicente Yáñez Pinzón foi quem, em 1500, levou este animal para a Europa, o que causou estranheza, uma vez que os marsupiais na Europa tinham sido extintos no período terciário, há mais de 60 milhões de anos.

Alguns gambás são imunes ao veneno de serpentes, incluindo as jararacas (Bothrops sp.), cascavéis (Crotalus spp.) e corais (Micrurus spp.), podendo atacá-las pela cabeça e ingeri-las pela mesma. Segundo um estudo científico, a dose letal em um experimento com gambás foi de 660 mg de veneno, o que corresponde a uma dose 4.000 vezes superior a suportada por bovinos de 400 kg.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para comentar