sábado, 13 de fevereiro de 2010

Japonês Inventa Tradutor de Latidos

O aparelho possui um microfone que transforma o latido em seis estados emocionais. Essa invenção maluca promete ajudar no relacionamento entre o cachorro e seu dono.




Uma coisa que a gente ouve sempre são reclamações de pessoas que não agüentam mais ouvir o cachorro do vizinho latindo o dia inteiro, ou a noite inteira. É um tal de perguntar se existe alguma coisa para fazer o cachorro dos outros calar a boca... Muitas vezes o próprio dono do cachorro reclama que seu peludo late muito. Alguns quando ficam sozinhos, outros até mesmo quando a família toda está em casa.

Latir é uma coisa normal para os cãesNada mais é do que um meio de se comunicar, de “falar” e expressar suas necessidades.

Latir é saudável, mas não quando este comportamento se torna tão repetitivo a ponto de incomodar as pessoas ou de deixar o próprio cão em um estado tal de ansiedade que acaba por deixá-lo estressado.


Um cachorro que late muito com certeza tem seus motivos, e estes motivos devem ser analisados e, sempre que possível, precisam ser tratados.

Quantos donos sofrem com a ameaça de ter que se desfazer de seu cachorro porque ele late demais e incomoda os vizinhos. Em apartamentos existe sempre a possibilidade de ter que se livrar do cachorro por pressões do condomínio. Em casas é o risco de um vizinho perverso acabar envenenando o cachorro.

Os motivos que levam um cão a latir excessivamente são muitos. Desde solidão, tédio, até o fato de ser muito nervoso e reagir a qualquer barulho a sua volta. No entanto o resultado final acaba sendo quase sempre o mesmo. Donos frustrados e cansados. Vizinhos irritados. Cachorros estressados.

Algumas dicas para identificar a causa dos latidos:
O primeiro passo para a gente fazer um cachorro parar de latir como um louco é entender por que cachorro late. Abaixo colocamos uma lista com as principais causas deste comportamento:
      • Para avisar que existe algo estranho ou perigoso por perto.
      • Para chamar a sua atenção e pedir carinho e companhia.
      • Porque está entediado, com excesso de energia, ou estressado e tenta se comunicar com outros cães da vizinhança.
      • Porque está assustado.
      • Porque aprendeu a latir com outros cachorros (que moram ou não na mesma casa), ou você mesmo o ensinou sem querer, atendendo, brincando, ou dando carinhos quando ele late.
      • Por condicionamento. Como, por exemplo, latir para o interfone já que sempre chega alguém depois.
      • Por excesso de estímulos, como quando o cachorro é provocado por pessoas e outros cães que passam pelo portão, ou pela visão de outros animais pela varanda de um apartamento.


Fonte: bitcao.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para comentar