sexta-feira, 30 de abril de 2010

Porquinho treina junto com cães na Austrália

A exemplo do que ocorre no filme 'Babe, um Porquinho Atrapalhado', leitoa assume papel de cão de estimação.



A exemplo do ocorre no filme "Babe, o Porquinho Atrapalhado", uma leitoa de três meses está sendo treinada com cães em uma cidade na Austrália.
Gidget pertencia à Associação de Cães da Austrália, em Mareeba, no nordeste do país, onde faz parte dos treinamentos de um grupo de dez cães.
Ela foi comprada pelo casal Sarah e Lester Plowman, para ser dado como presente ao filho Augustine.
porquinhoGidget e um de seus colegas caninos. (Foto: Kylie Reghenzani, Tablelands Advertiser)

"Eles vão crescer juntos e se tornar amigos", disse Sarah ao jornal The Cairns Advertiser.
Para Sarah, Gidget "acha que é um cachorro". "Mas ela tem um cheiro diferente e solta grunhidos em vez de latir", disse ela.
A treinadora, Liz Oeham, disse que sempre quis treinar um porco. Ela acredita ainda que o animal pode ajudar a ensinar cães a se concentrarem e ignorarem distrações.
Segundo Liz, porcos já foram usados no treinamento de outros animais, mas na Austrália essa seria a primeira vez que um leitão treinou com tantos cães.
Gidget entende que há tempo de descanso e hora de brincar, e se comporta diferente quando tem que treinar com os cães, explica Sarah.
O porquinho gosta de comer melão, grãos e leite. Ele divide a casa e a atenção dos donos com uma égua, um pônei, um galo e um cabrito.


BBC Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para comentar