quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Cão da raça Bulldog ataca ouriço e tem focinho atingido por mais de 200 espinhos


Cão ataca ouriço e tem focinho atingido por mais de 200 espinhos
Com instinto protetor, Tchopo, que tem nove anos, atacou o ouriço que apareceu no quintal da casa onde mora, em Vila Velha

Um cão da raça Bulldog Americano passou por momentos difíceis na manhã desta quarta-feira (06). Ele teve o focinho atingido por mais de 200 espinhos de um ouriço-cacheiro. Com instinto protetor, Tchopo, que tem nove anos, atacou o ouriço que apareceu no quintal da casa onde mora, em Morada do Sol, Vila Velha. Apesar de ter sido atingido pelos espinhos, o cão passa bem. O ouriço acabou morrendo após o ataque do cachorro.

De acordo com a dona do cachorro, a empresária Leila Ferreira, apesar de ser dócil, o Bulldog ataca todos os animais que aparecem no quintal de sua residência. “Qualquer bicho que aparece no quintal de casa ele ataca. É uma defesa, ele defendeu o espaço dele”, diz.

O cão atacou o ouriço durante a madrugada e logo pela manhã, ao constatar o que havia ocorrido, a empresária procurou uma veterinária para fazer corretamente a remoção dos espinhos. “Ele ainda está dopado com a anestesia. Ele também vai tomar remédios para dor, mas  vai se recuperar bem. Ele é um cachorro forte”, afirma.


Segundo a veterinária Tatiana Sacchi, que atendeu o cachorro, procurar ajuda especializada é o procedimento correto, pois ao tentar tirar os espinho em casa, o animal pode se machucar ainda mais. “O ideal é você levar imediatamente no veterinário, porque geralmente o animal não deixa que os espinhos sejam removidos. Isso também causa bastante dor e desconforto. Na grande maioria das vezes o animal precisa ser sedado e até anestesiado para a retirada dos espinhos”, explica.

A veterinária conta que ouriços são comuns em áreas rurais ou mesmo em área urbana, que tenha pequenas extensões de mata nativa. Eles saem do habitat natural em busca de alimento. Tatiana conta que ouriço não ataca animais, ele apenas se defende da presa.

PATRÍCIA SCALZER
Fonte: Rádio CBN Vitória (93,5 FM)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se a vontade para comentar